Últimas Notícias

Ituaçu

Ituaçu



Moradora de Ituaçu denuncia suposta negligência médica no Hospital da cidade



09/03/2018 - 18:25

Por Redação Informe Ituaçu

Moradora de Ituaçu denuncia suposta negligência médica no Hospital da cidade
Foto: Reprodução

Uma moradora de Ituaçu fez um desabafo nas redes sociais sobre uma situação de uma suposta negligência médica ocorrida com o seu pai. Maria Aparecida Silva Rocha relatou que o seu pai sofreu um sério acidente e se dirigiu ao Hospital Municipal de Ituaçu, mas teve o diagnóstico do seu estado de saúde de forma errada.

“O meu pai sofreu um sério acidente e foi ao Hospital Municipal de Ituaçu, onde por negligência, ou mesmo, por falta de compromisso com a profissão, foi diagnosticado com pequenos ferimentos, fez raio X, onde o médico deu alta, dizendo que não tinha quebrado nada”, contou a filha.

Ela contou que se passaram sete dias depois do seu pai ter sido atendido no hospital ituaçuense e ele ainda continuava sentindo dores terríveis na perna e não conseguia se mover e por isso o conduziram até Vitória da Conquista onde realizou outro raio X descobrindo que o mesmo estava com seis costelas quebradas, o fêmur fora do lugar e o quadril quebrado. Segundo Maria, o seu pai já realizou a colocação do fêmur no lugar, mas ainda irá passar por uma cirurgia no quadril.

“Fica aqui a minha indignação a esses médicos que não fazem jus a profissão. E um alerta aos responsáveis por esse hospital que vamos tomar providencias”, disse Maria Aparecida.

 

O Jornal da Chapada procurou os diretores da instituição para falar sobre o caso e conversou com o diretor clínico, Hugo Luz. Ele afirmou ter sido o responsável pelo primeiro atendimento a todas as vítimas do referido acidente.

“Sempre deixo esse tipo de paciente em observação por 12h, solicitei o raio-x para ser analisado no dia seguinte”, afirmou Luz. De acordo com o diretor, o outro plantonista, Danilo Azevedo, afirmou ter visto o paciente sair, o que seria impossível com uma luxação no quadril. “Trabalhamos com o que temos, não é hospital de excelência, mas com o pouco que temos conseguimos fazer muito”, disse o médico. Hugo disse que se for apresentado o laudo feito em Vitória da Conquista, os dois diagnósticos podem ser confrontados, com o raio x constando as fraturas. “Se realmente houve tudo isso, se for provado com as imagens, pediremos para o doutor se explicar”, afirmou o diretor clínico do Hospital Municipal de Ituaçu, Hugo Luz.