Sebastião Laranjeiras

Sebastião Laranjeiras

Últimas Notícias


Mulher morre após cirurgia em Carinhanha e secretário de saúde descarta erro médico

A morte de uma mulher na última sexta-feira (22) após a realização de histerectomia no Hospital Maria Pereira Costa (D. Quinha) gerou muita discussão e debates na cidade de Carinhanha.

Onília Anízia Fernandes Bispo, 48 anos de idade, moradora no Bairro Alto da Colina foi submetida a uma cirurgia de retirada de útero na quinta-feira e menos de vinte quatro depois do procedimento passou mal quando foi ao banheiro, caiu e em seguida faleceu.

As especulações acerca de possível erro médico e suposta falta de especialização foram afastadas pelo Secretário de Saúde do município Alvacir da Cruz Brito. Por telefone, o secretário assegurou que a cirurgia foi conduzida pelo cirurgião Dr. Luís Fernando, médico da cidade de Manga-MG e que o procedimento foi bem sucedido.

“A paciente teve uma síncope (desmaio) quando foi ao banheiro, caiu e morreu. A morte da paciente foi dentro do período pós-operatório, mas não uma complicação da cirurgia”, garantiu o secretário.

O esposo da falecida, Joaquim do Gás, contou que Onília estava bem de saúde, trabalhava bastante e apresentou apenas uma alergia na última semana. “Mas ela tinha esse mioma e queria muito fazer a operação. O sangramento tinha até diminuído, aí eles ligaram para ela ir fazer e ela foi”, informa.

Indagado sobre a possibilidade de investigar se houve erro médico, foi taxativo: “Não quero mexer, não! Ela não vai voltar mais!” Onília era mãe de quatro filhos.

Por Bonny Silva

Cipe Sudoeste desarticula fabrica irregular de armas em Candiba
Foto: Divulgação | Cipe Sudoeste

Por volta das 10h00 de ontem (21), a guarnição da CAESG fazia patrulhamento tático rural, quando recebeu a denúncia que um indivíduo de nome Joelson de Souza Fernandes, conhecido pelo vulgo de "JÓ”, filho de Manoel Fernandes Sobrinho, consertava e fabricava armas em sua residência, na região de Lagoa de Felipe.

A guarnição deslocou imediatamente para o local, constatando que "JÓ" utilizava a Tornearia do seu irmão Tiago, sem sua permissão, para consertos e produção de armas. No fundo do cômodo, no qual funciona a oficina, foi encontrada uma espingarda e várias peças de armas como canos e coronha.

Com o auxílio do pai do indivíduo, a guarnição encontrou o paiol (um compartimento de cimento com tampa de concreto, debaixo do chão, rodeado de algarobas), onde estavam escondidas várias espingardas, impermeabilizadas com uma câmara de borracha. Contudo, o referido indivíduo não foi localizado, inclusive tem uma passagem por roubo a mão armada, em Louveira SP.

 

Cipe Sudoeste desarticula fabrica irregular de armas em Candiba
Foto: Divulgação | Cipe Sudoeste

Diante dos fatos, todo material apreendido foi apresentado na Delegacia Territorial de Candiba, bem como todas as informações coletadas sobre o fato, para providências de Polícia Judiciária.

No local foi apreendido:
-01 espingarda cartucheira, marca Lerap, calibre .32, nº de série não identificado;
-01 espingarda cartucheira, calibre .32, marca e numeração não identificadas;
-01 espingarda artesanal, sistema de funcionamento de alimentação antecarga;
-01 espingarda de ar comprimido, marca CBC, calibre 5.5(.22mm), cano 18 polegadas, nº HIF062963. Equipado com uma luneta de projeção 4/20, marca RF;
-01 espingarda de ar comprimido, marca CBC, calibre 5.5(.22mm), nº de série não identificado, cano 18 polegadas;
-01 cano de espingarda cartucheira, calibre .36;
-01 cano duplo de espingarda artesanal;
-01 cano de espingarda artesanal;
-01 coronha de polímero, marca CBC, para espingarda de ar comprimido.

Operação Burla: Justiça condena três por fraudes a licitação com recursos do Fundeb na Bahia
Foto: Reprodução

Um dos condenados, Júlio César Cotrim, já acumula 15 anos de prisão com outras quatro condenações e encontra-se em prisão domiciliar

A pedido do Ministério Público Federal (MPF) em Guanambi (BA), a Justiça Federal condenou, no último dia 13 de março, Josmar Fernandes dos Santos, Júlio César Cotrim e Leonardo Barbosa Diamantino por fraudes em licitação realizada em 2009 no município de Pindaí, a 709 km de Salvador. A ação foi ajuizada como resultado da Operação Burla, deflagrada em 2016 contra duas organizações criminosas que atuavam em fraudes e desvio de recursos públicos federais no sudoeste do estado da Bahia.

A partir de informações levantadas pela Controladoria Geral da União, foi instaurado inquérito em 2012 para apurar possíveis fraudes a licitações no município de Pindaí por empresas pertencentes a um mesmo grupo econômico e constituídas em nome de laranjas. Nas investigações, verificou-se que as fraudes em Pindaí faziam parte de um esquema maior de corrupção que abrangia diversos municípios baianos e envolvia a constituição de empresas de fachada, falsificação de documentos, fraudes ao caráter competitivo de licitações por meio de simulação de disputas e combinação de preços, além de substancial desvio de recursos públicos.

A ação penal em questão trata do envolvimento dos três réus em licitação de 2009 que tinha por objeto a contratação de reforma e recuperação de três escolas – Aloysio Short, Jerônimo Borges e Centro Educacional Francisco Teixeira Cotrim – com recursos provenientes do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação). Os demais crimes evidenciados nas investigações são objeto de ações ajuizadas em separado pelo MPF para evitar a demora no andamento dos processos.

Segundo o MPF, três empresas foram chamadas a participar da licitação – realizada na modalidade Convite – sendo: Construtora Birajara Ltda, Josmar Fernandes dos Santos e Cia Ltda (atual JK Tech Construções Ltda.) e Cobra Galindez Ltda. (atual Companhia Brasileira de Serviços Industriais e Infraestrutura Ltda.), respectivamente representadas por Claudinei Pereira Silva, Santos e Diamantino. As investigações provaram, porém, que as pessoas jurídicas convidadas pertenciam a dois grupos de empresas, um liderado por Cotrim, outro por Santos.

Além disso, foram apontadas outras irregularidades que comprovaram a simulação e o direcionamento do certame em favor da empresa de Santos: não foi realizada pesquisa prévia de preços para justificar a adoção da modalidade Convite, na qual são reduzidas as exigências de publicidade do certame; não foi elaborado projeto básico; não houve a especificação completa dos serviços e insumos a serem empregados; a entrega do edital ocorreu no mesmo dia para as três empresas, que apresentaram “declarações de recebimento do convite” com conteúdo idêntico, mas diferentes do modelo original que acompanha o edital; e foram igualmente elaborados por uma mesma pessoa as propostas de preços das três participantes; dentre outros.

 

Ler texto completo
Cipe Sudoeste apreende moto adulterada no Lajedo, em Sebastião Laranjeiras
Foto: Divulgação Cipe Sudoeste

Por volta das 12h25m de ontem (17) a guarnição da CAESG 08 em rondas e abordagens nas imediações do estacionamento do balneário "Lagedo" zona rural de Sebastião Laranjeiras, foram realizadas verificações em veículos e motocicletas, numa destas o chassi estava completamente suprimido e por sobre o local do chassi foi colocada uma fita adesiva para ocultar a  remoção. Com o intuito de localizar o condutor/proprietário da referida motocicleta, foram realizadas buscas no local, porém sem êxito. Face ao exposto a motocicleta foi conduzida e apresentada no Plantão Central da Delegacia Territorial de Guanambi para as providências julgadas cabíveis.

Polícia divulga nome dos assassinos que mataram 8 pessoas e se suicidaram em Suzano
Foto: Julien Pereira/Fotoarena/Estadão Conteúdo

A polícia divulgou os nomes dos assassinos que mataram 8 pessoas, sendo 4 adolescentes, na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo.

São eles: Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. Os dois cometeram suicídio em seguida. Castro completaria 26 anos no próximo sábado.

O ataque ocorreu por volta das 9h30 desta quarta-feira (13). Quatro dos mortos no local são alunos do ensino médio. Outros dois adolescentes foram socorridos, mas morreram no hospital. Duas das vítimas são funcionárias da escola.